Sexta-feira, 22 de novembro de 2019
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Economizando

Charles Medina

Com Selic em queda, como investir com menos risco?

31/10/2019 às 09h02

Em julho de 2015 a Selic alcançou 14,25% ao ano
Nessa quarta-feira (30), um grupo distinto de pessoas ficou mais triste, os investidores. Eles viram o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, definir a taxa básica de juros da economia (Selic) que passou de 5,5% para 5% ao ano. O novo ciclo de cortes realizados pelo Copom começou em julho de 2019 quando a taxa foi reduzida de 6,50% a.a. para 6%. Em setembro ocorreu novo corte de 0,5% ponto percentual.

Em julho de 2015 a Selic alcançou 14,25% ao ano, vivíamos um tempo de juros mensais maiores que 1%, um contraste com a taxa atual de menos de 0,40% ao mês. Com uma inflação controlada e em queda o Copom não precisa de uma taxa básica alta e realiza cortes, reduções que ajudam a diminuir o custo da dívida do governo e incentiva os poupadores e tomadores de recursos a investir e assim, reativar a economia. Quem demanda crédito, tem taxas mais baixas nas linhas de empréstimos e quem poupa vê a necessidade de investir em algo mais rentável.

À vista disso, nasce a pergunta: onde investir o dinheiro que sobra no fim do mês, para obter maiores ganhos, de forma segura?

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Tenho escutado neste momento de juros baixos muitas pessoas comentando sobre investimentos e orientando onde você deve guardar seu dinheiro, alguns são especialistas no assunto, outros não. E com tanta gente falando e tentando mostrar o melhor caminho, fique atento a opções de produtos de investimento, principalmente aqueles com altos retornos. Em investimentos não existe milagre, existe risco. Quanto maior o retorno maior o risco assumido.

 Procure um profissional qualificado que possua certificações especificas para oferecer produtos de investimento, como CPA - 10 ou CPA – 20, por exemplo. Esse profissional te aplicará um questionário de análise de perfil do investidor para orientar as suas escolhas de produtos compatíveis com seus objetivos identificando se você é um investidor conservador, moderado ou arrojado.

Identificado o seu perfil, procure produtos financeiros adequados a ele. Se você tem perfil conservador, por exemplo, não tolerando risco, não é indicado que tenha grande parte de seus recursos em ações ou fundos multimercados que possuem maior risco. Mas, diversifique seus investimentos, “nunca coloque todos os ovos na mesma cesta”, sempre respeitando o seu perfil de investidor. Invista seu dinheiro em produtos financeiros ofertados por instituições fiscalizadas e regulamentadas pelo Banco Central, Comissão de Valores Mobiliários – CVM, ou outro órgão regulador do governo.

Atente-se aos detalhes e características de cada investimento, como incidência ou não de imposto de renda e suas alíquotas. Importante conhecer os produtos que têm cobertura dos fundos garantidores de créditos, FGC e FGCop, que cobrem até 250 mil reais, para citar alguns, temos, os CDBs, RDCs, LCA e LCI e outros que não tem cobertura, como os fundos de investimento. Outra característica a buscar é que alta rentabilidade passada, não significa rentabilidade futura. Observe também as taxas cobradas, como taxa de administração, taxa de performance, dentre outras.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Muito cuidado com rentabilidades oferecidas muito elevadas que superam bastante a taxa básica Selic ou o CDI, que é o referencial de investimentos. Lembre-se, quanto maior a taxa paga, maior é o risco do investimento. Risco e taxas além do normal caminham juntos.

                                                                                                                                                 CHARLES MEDINA FARIA

                                                                                                                                                            ECONOMISTA


+ NOTÍCIAS

Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso