Ministério Público do Trabalho apura irregularidades na Usina Nova Canabrava

Facebook Whatsapp Twitter
Segunda-feira, 09 de dezembro de 2019
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Plantão Ururau

Identificados os mortos do acidente na BR-101 em Campos

Foram identificados o homem e a criança que morreram em um grave acidente neste domingo (08/12) na BR-101, em Caxeta. Amaro Barreto Azevedo, 49 anos e Alana da Silva Avezedo,10 anos foram ejetados do veículo e não resistiram aos ferimentos. ... continuar lendo

Cidades

Ministério Público do Trabalho apura irregularidades na Usina Nova Canabrava

Facebook Whatsapp Twitter

13/08/2019 às 19h36 13/08/2019 às 19h39 Verônica Mattos

Ururau
Operação foi realizada na manhã desta terça

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter

O Ministério Público do Trabalho (MPT) divulgou na noite desta terça-feira (12/08), informações sobre a  operação realizada  na Usina Nova Canabrava, em Campos. Em nota, o MPT diz informa que aguarda o cumprimento dos prazos acordados com a empresa,

Nota MPT

O Ministério Público do Trabalho em Campos dos Goytacazes realizou nesta terça feira, 13 de agosto, uma operação envolvendo trabalhadores da Usina Canabrava para apurar denúncias realizadas na semana passada. A operação contou com o apoio de auditores fiscais do trabalho e da Policia Rodoviária Federal.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Neste momento, não foram encontradas irregularidades características de trabalho análogo à escravidão. Contudo, diversas irregularidades estão sendo apuradas como não pagamento de verbas trabalhistas e rescisórias, aliciamento de trabalhadores em diversos Estados e entre outras. 

Por ora, o caso está sendo tratado de forma extrajudicial, notadamente para atendimento da situação emergencial dos trabalhadores com pagamento das verbas devidas e retorno ao Estado de origem.

Neste momento, o MPT aguarda o cumprimento dos prazos acordados com a empresa, e tão logo tivermos novas informações serão divulgadas.

Operação

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Na manhã desta terça, o Ministério Público do Trabalho com apoio da Polícia Rodoviária Federal realizou uma operação para apurar denuncias de trabalho análogo a escravidão, na usina de cana de açúcar.  A operação foi desencadeada a partir de denuncias de trabalhadores que foram trazidos de Minas Gerais para trabalhar em Campos.

Em  nota a empresa disse que irá falar sobre o assunto em entrevista coletiva nesta quinta-feira

Nota à imprensa

A Nova Canabrava esclarece que não procedem as informações de trabalho análogo ao escravo conforme matéria veiculada na internet nesta terça-feira (13/08). A Nova Canabrava confirma que uma equipe do Ministério Público do Trabalho (MPT) de Campos dos Goytacazes e auditores fiscais do trabalho do Ministério da Economia estiveram na sede da empresa na manhã de hoje (13/08) para uma fiscalização e para apurar divergências de informações. 

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Para quaisquer esclarecimentos, será realizada uma coletiva de imprensa na próxima quinta-feira (15/08) às 17h, com a procuradora do trabalho Dra. Sarah Bonnaccorsi Golgher e representantes da empresa. A coletiva será realizada na sede do Ministério Público do Trabalho (MPT) de Campos dos Goytacazes, localizada no Edifício Lumina, Rua Dr. Siqueira, 139, 11º andar, no Parque Tamandaré, Campos dos Goytacazes.

Desta forma, a Nova Canabrava reitera que cumpre os princípios trabalhistas conforme a Constituição Federal, primando sempre pelo respeito, bem estar e dignidade de seus colaboradores.  

Fonte: Ururau

NOVIDADE!

Clique aqui e acesse o mais novo canal de Podcasts do Portal Ururau. Política, Economia, Esportes, Games, Inovação e muito mais você encontra no Ururau Podcast.

Estamos no Spotify, Apple Podcast, Google Podcast e Deezer. Assine já!



Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso