MPRJ denuncia grupos responsáveis pelo tráfico em localidades de SFI

Facebook Whatsapp Twitter
Domingo, 15 de setembro de 2019
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Cidades

MPRJ denuncia grupos responsáveis pelo tráfico em localidades de SFI

Facebook Whatsapp Twitter Google+

11/07/2019 às 18h07

Ururau
As denúncias foram recebidas pelo Juízo da Vara Única de São Francisco de Itabapoana, e os réus vão responder por tráfico e associação para o tráfico.

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
O Ministério Público do Estado do Rio de janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ), obteve a decretação da prisão preventiva de dois grupos de traficantes responsáveis pela venda de drogas em diferentes localidades de São Francisco de Itabapoana, no Norte Fluminense. Foram denunciadas 13 pessoas, todos por tráfico de drogas e associação para o tráfico, em consequência da Operação Ilha dos Mineiros, deflagrada no dia 30 de maio de 2019.

Foram apresentadas duas denúncias, cada uma referente a um grupo específico.  A investigação apurou que a primeira associação criminosa era liderada por Bruno Schwartz dos Santos e atuava no eixo norte da RJ-224, nas localidades de Pingo D’Água, Bom Jardim, Valão Seco, Ponto de Cacimbas, Morro Alegre. Leandro Schwartz dos Santos foi apontado como o gerente dessa associação. No dia 30 de maio, durante a operação Ilha dos Mineiros, Bruno Schwartz e Leandro tinham em depósito 48,2 gramas de maconha, seis telefones celulares, uma balança de precisão e um caderno de anotações com referência ao tráfico de drogas.

De acordo com a denúncia, o monitoramento por interceptações telefônicas permitiu identificar a função de cada integrante da organização, atuando em distintas funções como a de “endolação” de entorpecentes, segurança dos pontos de venda, transporte das drogas e gerenciamento do dinheiro arrecadado. Ainda segundo a denúncia, o fornecedor das drogas era Geremias da Silva Oliveira, vulto Gerê, que associou-se à facção de Bruno Schwartz, o Terceiro Comando Puro (TCP), para abastecer as localidades do eixo norte da RJ-224. Os outros denunciados exercem papeis inferiores na estrutura da associação criminosa.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

O grupo alvo da segunda denúncia era liderado por Cícero Barros Carneiro Júnior e atuava na localidade de Ilha dos Mineiros. Segundo a denúncia, entre os auxiliares estão Hildicéa de Souza Dias, Paulo Gabriel de Souza Pessanha e Uelton Dias de Oliveira. A investigação apontou que o fornecedor de Cícero era Marcos Vinicius Costa da Silva, vulgo Vinicinho. Também durante a Operação Ilha dos Mineiros,  foram apreendidas 3,8 gramas de maconha acondicionados em diferentes recipientes. As drogas estavam em poder de Cícero Barros e de Marcos Roberto de Oliveira Soares, respectivamente líder do grupo e “vapor” (responsável pela venda da droga no varejo. A Investigação, contudo, deixa claro que o material pertencia a todo grupo denunciado.

As denúncias foram recebidas pelo Juízo da Vara Única de São Francisco de Itabapoana, e os réus vão responder por tráfico e associação para o tráfico.

Fonte: Ascom


Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso