Servidores afirmam que governo não respondeu às perguntas

Facebook Whatsapp Twitter
Sexta-feira, 19 de julho de 2019
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Cidades

Servidores afirmam que governo não respondeu às perguntas

Segundo presidente da Aspmcg, sessão na Câmara foi um monólogo

Facebook Whatsapp Twitter Google+

17/06/2019 às 16h53 17/06/2019 às 18h31

Reprodução Facebook
Servidores voltam a se mobilizar e palavra de ordem agora é greve

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
Servidores da Prefeitura de Campos saíram revoltados da Câmara de Vereadores após sessão extraordinária realizada nesta segunda-feira (17/06). Segundo os profissionais, o presidente do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) e secretário de Desenvolvimento, Felipe Quintanilha, e o secretário de Gestão Publica, André de Oliveira, não responderam nenhuma das 56 perguntas entregues a base governista da Casa de Leis de forma antecipada.

“Um absurdo, uma falta de respeito. Óleo de peroba para eles é pouco. Uma total falta de respeito. Saímos insatisfeitos dessa sessão, pois mostraram números que não são verdade. Chegaram mostrando gráficos e as mesmas falácias de sempre. Queremos fatos, documentos. Acabou”, ultimou a presidente da Associação dos Servidores Públicos Municipais de Campos dos Goytacazes (Aspmcg), Elaine Leão.

De acordo com Leão, a palavra de ordem agora é greve. “Já estamos nos reunindo, nos mobilizando, vamos continuar visitando as unidades do município para conscientizar ainda mais os servidores e caminhadas nos bairros para também conscientizar a população. Temos a certeza que a greve vai voltar mais forte a partir do dia 08 de julho”, ressaltou a presidente, informando que todas as categorias continuam em estado de greve. Está agendado para o próximo dia 29, às 9h, um grande ato na Praça São Salvador.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Os servidores deixaram a sessão antes do fim. Segundo Elaine, “nós viramos as costas porque não aceitamos mais a falta de respeito conosco. O objetivo dessa sessão era um diálogo, e não um monólogo. E a nossa saída não significa que perdemos força. Muito pelo contrário. Já estamos montando um contra ataque”, adiantou.

Em nota, a Prefeitura de Campos informou que durante quase quatro horas de diálogo, apresentação das contas da Prefeitura, números que podem ser confirmados no Portal da Transparência. Antes disso, por várias vezes, os servidores foram recebidos por secretários e pelo próprio prefeito Rafael Diniz.  As perguntas foram respondidas. Há de se lamentar que muitos tenham se aproveitado para fazer daquele momento (de esclarecimento de dúvidas) um palanque eleitoral.

Fonte: Redação


Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso