STF suspende julgamento pelo TRE da ação contra Garotinho

Facebook Whatsapp Twitter
Sexta-feira, 14 de dezembro de 2018
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Cidades

STF suspende julgamento pelo TRE da ação contra Garotinho

Facebook Whatsapp Twitter Google+

17/04/2018 às 09h27 17/04/2018 às 09h51

Arquivo
Ação é resultado da Operação

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, concedeu liminar em habeas corpus e suspendeu o julgamento da ação penal contra o ex-governador Anthony Garotinho (PRP) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ). A ação é um resultado da Operação “Chequinho”, deflagrada pela Polícia Federal (PF) em novembro de 2016, em que o político chegou a ser preso dentro de um hospital no Rio Janeiro e conduzido para Bangu.

Ainda em sua decisão, o ministro determinou que seja oficiado ao Procurador-Geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro para que encaminhe cópia integral de um Procedimento de Investigação Criminal que tramita no Ministério Público contra o promotor Leandro Manhães.

Operação “Chequinho”

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

A Promotoria de Justiça, junto à 76ª Zona Eleitoral, distribuiu no dia 17 de setembro ações contra 37 candidatos a vereador em Campos. Todos fazem parte da coligação que apoiava a candidatura à sucessão do atual governo da época, tendo alguns deles ocupado cargos em comissão no poder executivo municipal, incluindo ex-secretários municipais. Dias depois, outros dois candidatos foram denunciados, elevando o número de investigados para 39.

O Ministério Público Eleitoral obteve diversos documentos que comprovam que os candidatos envolvidos no esquema tinham acesso a quantidades variadas, de acordo com sua influência política no grupo, de Cartões do Cheque Cidadão entregues pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social para distribuição em seu reduto eleitoral, entre os eleitores que se comprometessem a, em troca, favorecê-los com o voto.

Fonte: Redação


Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso