Rio já tem casos suspeitos de sarampo sendo investigados

Facebook Whatsapp Twitter
Segunda-feira, 19 de novembro de 2018
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Saúde

Rio já tem casos suspeitos de sarampo sendo investigados

Facebook Whatsapp Twitter Google+

05/07/2018 às 10h23 05/07/2018 às 12h14

Reprodução
No município do Rio, os últimos casos confirmados de sarampo ocorreram em 2014 e foram considerados importados

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro descartou a possibilidade de sarampo em quatro dos 17 casos suspeitos que estavam sendo analisados. De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Cristina Lemos, apenas 13 casos continuam em análise, incluindo uma jovem que já teve um resultado preliminar positivo para a doença mas que ainda aguarda confirmação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Segundo ela, não há nenhuma confirmação de que o sarampo esteja circulando no estado. A paciente com resultado preliminar positivo viajou para Petrópolis, cidade da região serrana fluminense que não tem nenhum caso confirmado, para um encontro com estudantes de outros estados. “Ela pode ter tido contato com pessoas de outros estados onde a doença está ocorrendo, mas isso faz parte de um processo de investigação”, disse Cristina, em entrevista à Agência Brasil.

Os outros 12 casos suspeitos são colegas de faculdade da jovem, que manifestaram algum sintoma de sarampo. Para a superintendente, não há motivo para a população ficar com medo, já que a doença está erradicada no estado há pelo menos 18 anos. Ela explica que as pessoas que não são vacinadas precisam procurar se imunizar e aquelas que tiveram contato com vítimas de sarampo devem procurar atendimento médico.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

“A gente ainda está tranquilo, mas em alerta, porque é uma possibilidade, por causa da situação de Manaus, de Roraima. Também já teve no Rio Grande do Sul. A Secretaria de Saúde está alerta e agindo na medida necessária. Como é uma doença importante, a gente precisa intervir de forma rápida mesmo diante de suspeita. A gente não espera confirmar para fazer medida preventiva”, acrescentou a superintendente.

Fonte: ABr


Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso