Secretaria de Saúde de Campos disponibiliza vacina contra sarampo

Facebook Whatsapp Twitter
Sexta-feira, 20 de julho de 2018
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Saúde

Secretaria de Saúde de Campos disponibiliza vacina contra sarampo

Atualmente há quatro casos de sarampo em investigação no Estado

Facebook Whatsapp Twitter Google+

04/07/2018 às 17h44

Supcom
Os principais grupos de risco para o sarampo são as pessoas de um a 49 anos de idade

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
A Secretaria de Saúde do Estado, como forma de precaução para a possibilidade de reintrodução do sarampo no Estado orientou aos municípios que divulguem à população a importância da vacinação contra a doença.  A medida foi tomada após ter sido registrado um caso de sarampo no município do Rio de Janeiro, durante os Jogos Estaduais Estudantis Jurídicos, realizados em junho, em Petrópolis, na Região Serrana.  

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, viral, transmissível, extremamente contagiosa e muito comum na infância. Os sintomas iniciais são: febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular e coriza. Após estes sintomas, geralmente há o aparecimento de manchas avermelhadas pelo corpo. A transmissão ocorre diretamente, de pessoa a pessoa, geralmente por tosse, espirros, fala ou respiração, por isso a facilidade de contágio da doença.

Em Campos, a Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) orienta que em caso de não imunização, a pessoa procure a unidade de saúde mais próxima para se vacinar. As doses também podem ser encontradas no Centro de Saúde.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

"É uma orientação como forma preventiva para que o Estado não registre mais casos da doença. Quem ainda não se vacinou, orientamos que atualize o cartão de vacina não somente contra o sarampo, mas também quanto as demais doenças em que são oferecidas as doses pelo SUS", ressaltou a assessora chefe da Vigilância, Roberta Lastorina. 

Os principais grupos de risco para o sarampo são as pessoas de um a 49 anos de idade. A primeira dose deve ser tomada com um ano e a segunda três meses depois. Dentre os adultos, os trabalhadores de portos e aeroportos, hotelaria e profissionais do sexo apresentam maiores chances de contrair a doença, devido à maior exposição a indivíduos de outros países que não adotam a mesma política intensiva de controle da doença. 

Fonte: Supcom


+ NOTÍCIAS

Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso