Terça-feira, 24 de maio de 2022
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Coluna do Trabalhador

Sindipetro

Carne mais cara faz brasileiros baterem recorde no consumo de ovo

21/12/2021 às 10h55

Lucas Rocha / Da Revista Fórum
Isso acontece também em meio ao agravamento da insegurança alimentar no país, onde o drama da fome fez as pessoas formarem filas por ossos e restos de carne. Ao menos 2 milhões de famílias foram jogadas na pobreza extrema no governo Bolsonaro.
O consumo de ovos no Brasil, que já havia aumentou em 2020, voltou a crecer em 2021 e estabeleceu um novo recorde. Com a alta no preço da carne vermelha, os ovos se tornaram a principal alternativa. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação, aponta para uma variação de mais de 15% nas carnes em 12 meses.

Segundo dados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), a média de consumo de ovos por pessoa subiu de 251 para 255 em 2021. No total, a produção foi de 54,503 bilhões de unidades, mais de um bilhão acima do produzido no ano anterior.

Em 2022, o consumo deve aumentar ainda mais, chegando a uma média de 262 unidades de ovos por pessoa. Houve ainda um aumento no consumo das carnes de frango e suína.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Segundo o presidente da ABPA, Ricardo Santin, esse avanço só foi possível por conta do estabelecimento do auxílio emergencial – criado pelo Congresso Nacional após muita resistência do governo Jair Bolsonaro. “A avaliação do comportamento do consumo em 2021 ao longo dos meses mostra o impacto destes programas de apoio para o acesso da população às proteínas de aves, suínos e ovos. Este é um dos fatores que deve manter os níveis de consumo no próximo ano”, disse.

Dados do IPCA apontam para o aumento de 15% no valor das carnes em 12 meses. Segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o consumo de carne vermelha no Brasil é o menor dos últimos 26 anos. O preço do ovo também subiu no período; a variação foi de 17% segundo o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da FGV.

Isso acontece também em meio ao agravamento da insegurança alimentar no país, onde o drama da fome fez as pessoas formarem filas por ossos e restos de carne. Ao menos 2 milhões de famílias foram jogadas na pobreza extrema no governo Bolsonaro.

 

Fonte: Luis Agner / Agência IBGE

+ NOTÍCIAS

Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso