Campanha Nacional de Vacinação alcançou 88,8% do público-alvo

Facebook Whatsapp Twitter
Sexta-feira, 14 de agosto de 2020
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Plantão Ururau

Vídeos: Preso homem suspeito de assassinar vigilantes em Campos

Policiais prenderam no início da tarde sexta-feira (14/08), o homem suspeito de assassinar os dois vigilantes na madrugada desta sexta-feira, no interior do campus Guarus do Instituto Federal Fluminense (IFF). ... continuar lendo

Saúde

Campanha Nacional de Vacinação alcançou 88,8% do público-alvo

Em Campos, a vacinação será aberta para a população a partir do dia 13

Facebook Whatsapp Twitter

05/07/2020 às 10h35 05/07/2020 às 10h36 Verônica Mattos

Reprodução
Após orientação da Secretaria de Estado de Saúde, a vacinação contra a gripe no município seguirá até o 10 de julho para os grupos prioritários.

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe alcançou 88,8% do público-alvo, da meta de 90%. Entre os grupos prioritários, os idosos foram o que tiveram melhor desempenho, com cobertura de 119,29%. Os estados e municípios receberam um total de 79,9 milhões de doses da vacina. Desse total, 77,28% foram aplicadas. Desde o dia 1º de julho, o Ministério da Saúde recomendou aos estados e municípios a estenderem a vacinação à população em geral até quando durarem os estoques da vacina, excedentes da campanha. A medida objetiva evitar o desperdício de doses nas localidades que não alcançaram a meta de imunização no público-alvo, que continua sendo prioritário.

Cerca de 17 milhões de pessoas do público-prioritário não buscaram os postos de vacinação, mas que ainda podem, se vacinar. A campanha nacional encerrou no dia 30 de junho, sendo exclusiva para: idosos; trabalhadores da saúde; membros das forças de segurança e salvamento; pessoas com doenças crônicas ou condições clínicas especiais; Além dos povos indígenas; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional; pessoas com deficiência; professores; crianças de 6 meses a menores de 6 anos; gestantes; puérperas (pós-parto até 45 dias) e pessoas de 55 a 59 anos de idade.

A vacina é importante para reduzir complicações e óbitos por influenza. Entre os grupos prioritários, além dos idosos, os trabalhadores da área da saúde ultrapassaram 100%, alcançando 114,50% do grupo vacinado. Enquanto isso, o grupo com menor cobertura vacinal é o das pessoas entre 55 a 59 anos que tiveram apenas 55,86% de imunização; as gestantes, com cobertura vacinal de 60,91%; seguidas das crianças até cinco anos de idade, com 61,60%;professores das escolas públicas e particulares, com 68,56% do público vacinado.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

A vacina da gripe protege contra os três subtipos do vírus influenza que mais circularam no último ano no Hesmifério Sul, de acordo com determinação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A vacina é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença e óbitos. Ela não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para a Covid-19, já que os sintomas são parecidos. E, ainda, ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde

Apesar deste momento em que o mundo vive a pandemia causada pelo coronavírus, com o isolamento social e o receio das famílias em ir aos postos de saúde, o Ministério da Saúde tem orientado todas as equipes de saúde do país quanto às medidas de segurança para evitar infecções e realizar uma vacinação segura para a população e as equipes de saúde.

CASOS DE INFLUENZA

Em 2020, até o mês de maio, foram registrados 1.517 casos de influenza (gripe) em todo o país, com 209 mortes. Do total de casos, 588 foram casos de influenza A (H1N1), com 79 óbitos; 64 casos e 13 óbitos por influenza A (H3N2), 374 de influenza A não subtipado, com 63 mortes; e 491 casos e 54 óbitos por influenza B.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

No mesmo período de 2019, ou seja, até o mês de maio, 5.800 casos de influenza foram registrados em todo o país, com 1.122 mortes. Do total de casos, 3.430 foram casos de influenza A (H1N1), com 796 óbitos; 860 casos e 120 óbitos por influenza A (H3N2), 779 de influenza A não subtipado, com 124 mortes; e 731 casos e 82 óbitos por influenza B.

Em Campos, a vacinação será aberta para a população em geral, a partir do dia 13 de julho.  A meta, determinada pelo Ministério da Saúde é imunizar 90% da população prioritária. Em Campos, a cobertura geral é de aproximadamente 70%, segundo a Secretaria Municipal da Saúde (SMS). 

Quem se enquadra nos grupos prioritários e ainda não recebeu a dose deve agendar a vacinação através da central telefônica disponibilizada pela Subsecretaria de Atenção Básica. Para crianças de seis meses a seis anos incompletos, a SMS segue aplicando a vacina na Cidade da Criança, de forma exclusiva e sem necessidades agendamento. 

Apesar da vacina não proteger contra o coronavírus, diminui a circulação da gripe entre a população, auxilia os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para COVID-19, já que os sintomas são parecidos e ajuda a reduzir a procura pelos serviços de saúde. 

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Agendamento – Para as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da Penha, IPS, Morro do Coco, Baleeira, Centro de Saúde de Guarus, Parque Prazeres, Lagamar, Conselheiro Josino, Eldorado, Ponta Grossa, Sentinela do Imbé, Saturnino Braga e Santo Eduardo, além da Unidade Pré-Hospitalar (UPH) São José, o agendamento deve ser feito através dos números: (22) 9 8175 0366, 9 8179 3658 e 9 8175 1876, 9 8168 2340, 9 8119 2675 e 9 8175 1278, de segunda a sexta-feira, de 9h às 16h.

 

Fonte: MS/Supcom

NOVIDADE!

Clique aqui e acesse o mais novo canal de Podcasts do Portal Ururau. Política, Economia, Esportes, Games, Inovação e muito mais você encontra no Ururau Podcast.

Estamos no Spotify, Apple Podcast, Google Podcast e Deezer. Assine já!



Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o https://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso