Domingo, 22 de setembro de 2019
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

TattooArte

Thiago Freitas

Auschwitz: marcas eternas do holocausto

19/06/2019 às 13h04

Sokolov foi o tatuador do período mais obscuro da humanidade
O Holocausto foi a perseguição e o extermínio ordenado e patrocinado pelo governo nazista, de aproximadamente seis milhões de judeus pela Alemanha e seus então colaboradores. Ao chegar no poder em 1933, os Nazistas acreditavam que os alemães era “racialmente superiores’’ aos judeus. As autoridades alemãs também perseguiram outros grupos por sua dita "inferioridade racial": ciganos, deficientes físicos e mentais, e alguns povos eslavos (poloneses e russos, entre outros). Outros grupos eram perseguidos sob pretextos políticos, ideológicos e comportamentais, entre elesas Testemunhas de Jeová e os homossexuais.

Aqueles que não eram mortos durante esse período, eram mantidos vivos em campos de concentração em condições sub-humanas, onde morriam por desnutrição, doenças, hipotermia. Além de todos esses tratamentos, muitos eram executados sem motivos aparente, como forma de intimidação.

Auschwitzlocalizado no sul da Polônia foi o campo de concentração onde mais teve mortes durante o período do Holocausto, aproximadamente 1,2 milhões. Todos os prisioneiros tinham sua identificações em forma de números nos uniformes. O número de presos trazidos para o complexo de Auschwitz aumentou junto coma taxa de mortalidade. Se um prisioneiro morto estava separado de seu uniforme, a identificação ficavaquase impossível. Como muitas vezes centenas de prisioneiros morriam por dia, outros métodos de identificação eram necessários.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Em 1942, um prisioneiro chamado LaleSokolov foi levado para Auschwitz, em sua chegada os nazistas trocaram seu nome para o numero 32407, O então prisioneiro foi escalado para trabalhar, como muitos outros, na construção para a expansão do campo. Ele passou horas fazendo telhados e mantendo um comportamento discreto dos guardas nazistas, que tinham temperamento imprevisível.

Logo após sua prisão, Sokolov ficou doente sendo tratado por um homem chamado Pepan, que fez uma tatuagem nele para identifica-lo. Um dia Pepan decidiu transformar Sokolov em seu assistente, ensinando-o a tatuar. Com o desaparecimento de Pepan,Sokolovassumiu a vaga de tatuador principal do campo de concentração, sem nunca saber o que aconteceu com Pepan.

Por dois anos, Sokolov tatuou centenas de milhares de prisioneiros com a ajuda de assistentes. Números trêmulos, mas fortes, feitas à força se tornaram um dos mais emblemáticos símbolos do Holocausto. A prática começou no outono de 1941 e a partir da primavera de 1943, todos os prisioneiros eram tatuados.

No começo, um carimbo de metal era usado para registrar o número na pele dos prisioneiros. E tinta era esfregada nas feridas.Mas o método se mostrou ineficiente. Então, a SS introduziu o equipamento de agulhas duplas. Foi essa ferramenta que Sokolov usou durante o tempo em que trabalhou como tatuador.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Quando os prisioneiros chegavam a Auschwitz, eles eram selecionados para o trabalho forçado ou execução imediata. Cabeças eram raspadas e os pertences, apreendidos. Eles trocavam as roupas por trapos e faziam fila para receber a marca do tatuador. O processo de entrada no campo de concentração é descrito como uma série de humilhações, eles entendem que estão perdendo os nomes. A partir daí, os prisioneiros não usam oficialmente os nomes, mas números.

Sokolov foi o tatuador do período mais obscuro da humanidade, números que marcavam os prisioneiros para sempre, destruindo sua dignidade, famílias, historias. Lembranças doloridas de um período onde as diferenças eram motivos suficientes para extermínios. Embora não possa ser determinado com certeza absoluta, parece que a tatuagem foi aplicada principalmente para facilitar a identificação, no caso de morte ou fuga; a prática continuou até os últimos dias de Auschwitz, sendo um dos poucos campos há adotarem esse procedimento.

THIAGO FREITAS TATUAGEM

FACEBOOK: https://pt-br.facebook.com/thiagofreitastatuagem

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

INSTAGRAM: https://www.instagram.com/thiagofreitastatuagem


Galeria de imagens (2)

+ NOTÍCIAS

Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso